• soflucas

Que "chapada sem mão" já te tens dado?

Atualizado: Set 29



Nessa percepção iludida de conjugação de letras, frases, textos com pontos e vírgulas ditos a outro alguém, num discurso que soa bem ao de um mestre, detentor do conhecimento da alma, fala, fala, fala… diz o que ele próprio precisa de ouvir e vai tocando em tanto que o outro precisa também! Naquela de estender a mão a quem está numa piscina de lamúrias, medos, inseguranças, incompreensão de si mesmo e do mundo cheio de outros, que clama escuta e eu empresto os meus ouvidos atentos e hiperalerta… e quando clama por ditos, eu então me faço ouvir… e aí até que dói, até a mim, porque a verdade com a profundidade que é dita magoa a escuta por ser retroactiva, desabafo-me ao permitir o desabafo do outro, espremo-me até à última gota para que fique seca sem margem de dúvida, mas fico húmida num terreno que se quer fértil, que brote a mais pura intenção e de todas a melhor versão, é por conseguinte uma "chapada sem mão"!

Nessa construção de dar conselhos, de iluminar o caminho de um ombro amigo necessitado

de um fósforo para acender uma vela, fui descobrindo que da maior parte das vezes que falo para ele ou ela, numa conversa de escuta e fala, uma terceira interveniente se intromete na sala, é a minha alma… que estava necessitada também de ouvir em voz alta a verdade que a mente precisa perceber já que a sabedoria maior está mesmo cá dentro e numa oportunidade como esta, não se cala, sim sou usada como instrumento neste corpo e cordas vocais em tons com alguns silêncios para que tenha tempo e me ouça o que preciso de ouvir!

Uma "chapada sem mão" é lançada, nem de luva branca nem mão lavada, invisível por vezes com espinhos numa oferta de rosa dourada, com brilho e purpurinas mágicas com a mais acertada imagem do que preciso de mudar para me melhorar, não admira que doa, afinal de contas nem de outros estás a ouvir, é de ti mesma e qual é a desculpa para não seguir? Tens sabedoria para os outros e não te resta para ti? Está na hora de te cuidares por ti!

Dá-te uma, duas, três… quantas "chapadas sem mão" conseguires dar, conversa muito com quem amas e cada vez mais vais apanhar, mas ao falares escuta de coração e prepara-te para entrar em acção, hora de mudar de lado… Que "chapada sem mão" já te tens dado?

SOLU 19/9/2021


113 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo